12/04/2016

Filho de Jair Bolsonaro atira em assaltante no Rio

Ao reagir a assalto na Barra da Tijuca, deputado estadual Flávio Bolsonaro (PSC) deixou um ferido


Pai e filho, Jair e Flávio Bolsonaro defendem porte de armasFoto: Reprodução / Facebook / Facebook


O deputado estadual Flávio Bolsonaro (PSC-RJ), 34 anos, atirou contra um indivíduo em tentativa de assalto na manhã de hoje. O conflito ocorreu na Avenida das Américas, no bairro Barra da Tijuca, na Zona Oeste do Rio de Janeiro.

De acordo com o gabinete do deputado, Flávio estava num carro não blindado e foi abordado por dois assaltantes em cima de uma moto. Flávio reagiu e atingiu um dos rapazes. Ele fez registro de ocorrência na 16ª Delegacia de Polícia do Rio de Janeiro.

O gabinete afirma que o deputado tem porte legal de arma e que é a primeira vez que ele reage a um assalto. Informações sobre porte legal de arma de fogo são restritas à Polícia Federal e não podem ser divulgadas.

Filho do deputado federal Jair Messias Bolsonaro (PSC), Flávio é advogado e defende o porte de armas para agentes penitenciários como garantia de segurança. Ele é irmão do deputado federal Eduardo Bolsonaro (PSC) e do vereador Carlos Bolsonaro (PP), todos alinhados a um perfil político conservador.

Pré-candidato à prefeitura do Rio, Flávio Bolsonaro é a favor da redução da maioridade penal e valoriza o golpe de 1964, movimento político-militar que precedeu a ditadura no Brasil. Na última eleição, recebeu 155,6 mil votos, se tornando o terceiro deputado estadual mais votado no RJ.



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Geral

Destaques